Me apaixonei por aí #24

Uma mistura de muitos eventos e cansaço fez com que o post com as coisas legais que vi por aí atrasasse. Contudo, apesar dos contratempos, aqui vamos nós!

1 – A menina que doava livros

A menina que doava livros

Essa história entrou para o que eu chamou de “Série Histórias Inspiradoras”, afinal, é de pessoas assim que o mundo precisa. Pessoas que pensem nos outros, que vejam além do individualismo que nos forçam goela abaixo. Giovanna Pampolin, 9 anos, percebeu que tinha uma biblioteca extensa demais para guardar tudo só pra ela, assim, decidiu, com exceção de algumas obras  de valor afetivo, doar esses livros, compartilhá-los com outras pessoas. E assim foi, aos domingos lá está Giovanna, no Minhocão – em São Paulo, para colocar em prática a iniciativa e colocar os livros para circular!

(Via Carta Capital)

2 – Tênis inspirados em Star Wars

Tênis Adidas Star WarsNão é novidade que sou fã de Star Wars. Dito isso, é fácil acreditar quando digo que, apesar de ter achado um pouco espalhafatoso demais, quero, pelo menos acho, esses tênis da Adidas inspirados na Saga, principalmente o prateado e o dourado. ♥♥

(Via Olhar Digital)

3 – Cafeteria temática Braking Bad.

Cafeteria Breaking Bad

Ainda estou na 3a temporada de Breaking Bad ~Eu sei, eu sei que deveria ter assistido há tempos ~ , mas já deu pra ver a qualidade da produção e da história. É incrível, assim como a ideia desse também fã – Deniz Kosan-  que criou uma Cafeteria totalmente inspirada na série, a Walter’s Coffee Roastery. O problema? É em Istambul, só um pouquinho distante.

(Via AdoroCinema)

4 – Meryl Streep cantando e tocando guitarra no trailer de Ricki and the Flash

Meryl Streep é Diva, sabemos! Em seu próximo filme ~“Ricki and the Flash”~ ela viverá uma roqueira, e nisso está incluído cantar e tocar guitarra, como podemos ver no trailer. Rainha!

(Via PapelPop)

5 – Carteiro inicia campanha para que menino de 12 anos pudesse ler mais do que folhetos publicitários 

Doação de Livros - EUA

Olha a série “Histórias Inspiradoras” aparecendo novamente. Desta vez é a história de Mathew Flores, de 12 anos, de Salt Lake City nos EUA.  Apaixonado por leitura, mas sem ter condições financeiras para comprar livros e até ir à biblioteca pública, ele lia o que podia, principalmente anúncios que chegavam pelos correios. Quando soube da paixão e da dificuldade de Mathew, o carteiro – Ron Lynch – que trabalha em sua rua decidiu não ignorar, iniciou uma campanha para que ele recebesse livros. O resultado? Dezenas de livros enviados de diversas partes do mundo. É de retomar a fé na humanidade, né?

(Via Catraca Livre)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s