As Crônicas de Gelo e Fogo: A Dança dos Dragões (Livro V)

A Dança dos DragõesQuase um ano após a leitura do Primeiro Livro de As Crônicas de Gelo e Fogo, finalmente terminei o Livro Cinco: A Dança dos Dragões, que ao contrário de seu predecessor, é tão frenético que a partir de um dado momento deixei de lado outras leituras e só conseguia lê-lo, assim como A Tormenta de Espadas.

Sinopse: Daenerys Targaryen governa uma cidade construída sobre o pó e a morte e aprende que conquistar algo é mais fácil do que modificá-lo. A Patrulha do Noite, com seus homens cada vez mais reduzidos, sob o comando de Jon Snow, que precisa tomar decisões cada vez mais difíceis sobre o que fazer em relação ao autoritário Rei Stannis, aos selvagens e aos homens da própria Patrulha. Tyrion precisa pegar em armas para se salvar e descobre que um homem pequeno com um escudo grande pode realmente confundir os inimigos. Enquanto isso, Bran prossegue a sua viagem, enquanto outras acontecem para a Baía dos Escravos e Daenerys percebe que seus inimigos estão cada vez mais numerosos e sedentos para destruí-la. Traições, revelações e um fantasma do passado que volta para assombrar quando menos se espera, todas as criaturas dos Sete Reinos estão prestes a enfrentar fatos inesperados. A escrita eletrizante de George R.R. Martin transporta o leitor de volta para Westeros e o convida a encarar o destino incerto de seus reinos, levando à maior dança de todas.

Martin cumpre sua promessa. Dá voz novamente a personagens que tanto sentimos falta em O Festim dos Corvos, Jon, Arya, Bran, Tyrion e Daenerys, além de outros como Sor Davos e até Melisandre, fechando lacunas e completando o contexto, o qual só tínhamos parte das informações. Então, um cavaleiro outrora odiado retoma sua fala e percebemos que chegou a hora, aquele momento em que não se sabe de mais nada e tudo pode acontecer, pois a história avança temporalmente após páginas e páginas em que corria paralelamente ao Livro IV.

Aqui ninguém anda em círculos, todos avançam. Arya, que dentre os principais é a que tem menos voz, parece finalmente ter encontrado seu caminho, para onde quer que a leve. Bran, após um longo calvário alcança seu destino, mas o que este o reserva, ainda não está claro. Tyrion é Tyrion, com suas pernas curtas e mente gigante vai sobrevivendo, se adaptando e fazendo o que faz de melhor, manipulando as pessoas. Daenerys….Dany, Dany, acho que sempre terei sentimentos ambíguos com relação a ela, por vezes me irrita, às vezes me compadeço de seu enorme coração, mas quando ela age, efetivamente, me surpreende e ganha minha total simpatia, mas não o suficiente para ganhar (ainda) minha torcida. Essa é de Jon Snow, independente do que digam, inclusive, George. No Quinto Livro, não só a Muralha é dele, mas boa parte do enredo. Ele, tal como o pai, buscou fazer o que acreditava ser certo, apesar das incertezas e dúvidas da juventude, e assim como Eddard também foi cercado pelas pessoas erradas, no caso, fracos e supersticiosos, apegados a antigas tradições, tradições que não teriam espaço no inverno, que tal como o lema dos Stark afirma, estava chegando, até que ao fim, chegou. Que as reticências o salvem.

Contudo, não só de personagens antigos o livro se faz, novas e surpreendentes peças também entram no Jogo dos Tronos, assim como algumas ressurgem, pois aparentemente, como já havia dito na resenha do Livro Dois, A Fúria dos Reis , Tio George também ressuscita os mortos, e vários nessas páginas. Sendo assim, guardarei minhas lágrimas para mais tarde, pois tudo pode acontecer quando os ventos do inverno chegarem no aguardado Livro Seis.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s